Buscar

Mauro culpa PT pelo baixo desempenho da educação em MT




O governador Mauro Mendes (DEM) aproveitou a visita do ministro da Educação, Milton Ribeiro, para culpar o Partido dos Trabalhadores (PT) pelo desempenho negativo que Mato Grosso tem na Educação. Mendes afirmou que os números das últimas gestões provaria que o PT não teria avançado na Educação.

Ele também aproveitou para defender o fechamento das escolas que vem fazendo, chamando-a de "redimensionamento das escolas", alegando que com isso sobrará recursos para mais investimentos na Educação.

"Olha o resultado que eles entregaram. Os números falam por si. A função da educação não é gerar emprego não. Educação é entregar um ensino de qualidade pros alunos. Essa é a função da educação. Então eu não vou ficar contratando professor só porque o sindicato quer. Não vou manter uma turma com 5 alunos, sendo tem que ser no mínimo 20 alunos porque o PT quer, para poder botar mais gente deles ali dentro como eles fizeram historicamente", disse nesta sexta-feira (1) durante a visita à escola Mário de Castro, no bairro Pedra 90.

Ele citou como exemplo a nova sede da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) que foi mudada de local. "Era uma coisa horrível, um ambiente muito degradante aos profissionais, para os professores e para coordenar a educação do estado inteiro. Tudo isso nós estamos mudando e aí contraria alguns interesses de quem não quer inclusive que as coisas melhorem, porque quanto pior, melhor para essas pessoas".

O governador afirmou que está buscando quebrar paradigmas e citou os estados do Ceará e Goiás como exemplo. "O que o Ceará fez e ele é um dos melhores hoje? O que Goiás fez é um dos melhores? É isso que nós vamos tentar fazer. Não vou ficar aqui nessa mediocridade de alguns, cabeça de alguns que dominaram a educação em Mato Grosso. Nós somos o 22º colocado. Se fazer o que essas pessoas estão querendo", disse o governador criticando indiretamente o Sindicato dos Trabalhadores da Educação Pública (Sintep-MT), que faz oposição à sua gestão.

Ele também apontou os investimentos que tem feito com a compra de aparelhos de condicionados para as escolas e a criação de laboratórios de robótica entre outros projetos.

"Infelizmente quem grita, quem xinga, quem fala merda, parece que aquilo repercute. Mentira, agora mentira tem perna curta, ela pode até correr longe, mas ela tem perna curta", disse.


- FIQUE ATUALIZADO: PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) -CLIQUE AQUIPablo Rodrigo