Buscar

Esposa de homem que "acampou" em frente a hospital morre de Covid

Família é de Sapezal, mas Cristiane Fagundes ficou internada no Hospital Metropolitano de VG

- FIQUE ATUALIZADO: PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) -CLIQUE AQUI


Depois de quase um mês internada no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, Cristiane Fagundes, de 42 anos, morreu de Covid-19 na quarta-feira (4). O marido dela, Jarcedi Hahn, ficou conhecido após esperar pela esposa em frente à unidade de saúde.

Eles são moradores de Sapezal (a 508 km de Cuiabá) e precisaram viajar para Várzea Grande por conta das complicações causadas pela doença em Cristiane.

Jarcedi aguardava todos os dias em frente ao Hospital Metropolitano, sentado em uma cadeira enquanto tomava chimarrão. A cadeira de Cristianeficava ao lado del, vazia.

Na semana passada, Cristiane apresentou melhora e chegou a sair da intubação. Contudo, dias depois, ela apresentou piora no quadro de saúde e foi entubada novamente. Ela deixou três filhos.

Nas redes soais, a morte de Cristiane gerou comoção entre amigos e familiares.

"Quero lembrar de ti com esse sorriso largo, espontâneo. Deus me presenteou com sua presença por uma semana, foi uma semana intensa, lembro como estava focada para treinar e para se cuidar. Não sabemos o tempo que nos resta aqui", escreveu Ivete Maria Leite.


BRUNA BARBOSA