Buscar

Dupla que usava drone para sobrevoar penitenciária é presa pela polícia

Os suspeitos detidos afirmaram que a ação serviria como pagamento de uma dívida de R$ 1,5 mil que eles possuíam com uma organização criminosa



Dois homens foram presos por policiais do 5º BPM de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá), na madrugada desta terça-feira (13.04), por organização criminosa. Um terceiro suspeito foi identificado.

A informação descrevia que um drone sobrevoava a unidade prisional Major Eldo Sá Corrêa, – Mata Grande. Em diligência pela região, foi percebido um Peugeot preto estacionado em um local isolado. Os dois homens que estavam no veículo foram rendidos.


PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) -CLIQUE AQUI


Depois de um tempo, ambos confessaram que davam cobertura a outro homem que pilotava o drone. O objetivo seria jogar celulares e drogas no pátio da penitenciária.

Com a identificação do suspeito, os policiais foram até a sua casa. No imóvel, foram encontrados um carregador de drone, com imagens aéreas da unidade prisional, além de documentos pessoais do denunciado que é monitorado por tornozeleira eletrônica, mas que estava desligada.

Os suspeitos detidos contaram que devem R$ 1,5 mil para uma organização criminosa e para pagar a dívida auxiliaram o homem na ação.


Serviço


A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.


Maricelle Lima Vieira | PMMT