Buscar

Casos de Covid aumentam e ocupação de UTIs passa de 90%, diz boletim da SES


- FIQUE ATUALIZADO: PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) - CLIQUE AQUI


A taxa de ocupação em leitos de UTIs teve novo aumento nas últimas 24 horas e ultrapassou a casa dos 90%. Segundo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES), o percentual das unidades intensivas ocupadas pela forma grave da Covid-19 (a doença causada pelo coronavírus) chega a 92,94%. O documento foi divulgado no final da tarde deste sábado (29).


O boletim traz um caso inusitado ainda. O Hospital Regional Hilda Strenger Ribeiro, em Nova Mutum, está com uma ocupação de 350%. A unidade tem 30 leitos, mas 22 estão bloqueados e 28 estão ocupados. Outros quatro hospitais já atingiram 100% da capacidade de ocupação. São eles: o Hospital Regional de Peixoto de Azevedo, o Hospital Regional de Sorriso, o Hospital Regional de Cáceres e o Hospital Universitário Julio Muller.


A fotografia feita pelo boletim aponta ainda que são 1.701 pessoas internadas atualmente, sendo 788 em leitos de enfermaria, 626 de UTI e 91 em transferência hospitalar. Ainda não foram registradas fila de espera por uma Unidade de Terapia Intensiva. Mais de 12,4 mil pessoas estão com sintomas leves e, por isso, estão em isolamento domiciliar.


Nas últimas 24 horas, foram registrados 28 óbitos em decorrência da Covid-19 e 1.573 novas infecções. A SES já registrou 405.350 mil casos confirmados de coronavírus e 10.877 mortes.

Os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (85.483), Rondonópolis (29.336), Várzea Grande (28.243), Sinop (20.374), Sorriso (13.804), Tangará da Serra (13.788), Lucas do Rio Verde (12.379), Primavera do Leste (10.596), Cáceres (8.633) e Alta Floresta (7.735).


O boletim ainda aponta que um total de 337.757 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 627 amostras em análise laboratorial.

Fonte: RDnews