Buscar

2º Festival Gastronômico de Nova Mutum será realizado em outubro

Em reunião nesta quarta-feira (11), Núcleo Setorial de Gastronomia da Acenm/CDL, Prefeitura, Sebrae e Senai definiram os principais aspectos do evento

- FIQUE ATUALIZADO: PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO WHATSAPP E FIQUE BEM INFORMADO (NOTÍCIAS, VAGA DE EMPREGO, UTILIDADE PÚBLICA) -CLIQUE AQUI


O mês de outubro será de muito sabor em Nova Mutum. Do primeiro ao último dia do mês, os mutuenses poderão apreciar pratos especiais, preparados por restaurantes do município.

A segunda edição do Festival Gastronômico de Nova Mutum deveria ter se realizado em 2020, porém, devido à pandemia, veio sendo adiada. Finalmente, em reunião nesta quarta-feira (11), empresas do Núcleo Setorial de Gastronomia da Acenm/CDL, juntamente com a equipe da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo, o Sebrae e o Senai, decidiram realizar o evento durante todo o mês de outubro de 2021.

A reunião foi conduzida pelo secretário Municipal de Indústria e Comércio, Jimmy Huppes e contou com a presença do coordenador do Núcleo de Gastronomia, Nelci Casarin, e do gerente executivo da Acenm/CDL, Rodrigo Rigoni. “Após um ano e meio de muitas dificuldades para o nosso segmento, por conta da pandemia, precisamos de iniciativas que nos ajudem a retomar o movimento e voltar a crescer”, comentou Casarin.


NOVIDADES


O festival terá diversas novidades em relação à primeira edição – realizada de 07 a 12 de outubro de 2019 –, a começar pela duração, que era de uma semana e passa a ser de um mês, e o próprio nome do evento, que mudou de “Sabores de Nova Mutum” para “Nova Mutum Que Dá Gosto”.

O edital para credenciamento no evento (ainda em fase de finalização) prevê a participação de 10 a 12 restaurantes, que deverão elaborar quatro pratos/itens para o festival: um prato vegetariano, um prato com proteína (carne), uma sobremesa e uma bebida.

Obrigatoriamente, os pratos devem conter (não exclusivamente) ingredientes previamente escolhidos por serem típicos da economia mutuense. As proteínas escolhidas são: carne suína, carne de frango e ovos de galinha. As frutas escolhidas são: abacaxi e banana nanica. E os vegetais são: batata doce, abobrinha verde e couve.

Assim como na primeira edição, haverá uma aula show com um chef renomado, que também presta consultoria interna para os restaurantes participantes. Em 2019, a aula show e consultoria foram conduzidas pela chef Dayse Paparoto, primeira campeã do MasterChef Profissionais. O nome para a edição 2021 ainda está em fase de escolha.

Outra novidade da segunda edição do festival é a orientação para que todos os pratos sejam adaptados para delivery, dessa forma contemplando também os consumidores que ainda não se sintam à vontade para frequentar os restaurantes.

Tiago Franz | Assessoria Acenm/CDL